Ex-diretor da Band é racista ao comentar sobre Maju Coutinho e Thelma, do BBB20

Kid Gordinho Drt 5898

(Foto: reprodução/Instagram)

Rodrigo Branco, empresário e ex-diretor da Band causou polêmica com declarações racistas nas redes sociais na última segunda-feira (30). Ele participou de uma livre no Instagram com a influenciadora digital Ju de Paulla.

Dentre os assuntos, o Big Brother Brasil e a jornalista da TV Globo e apresentadora do Jornal Hoje, Maria Júlia Coutinho, a Maju. Na primeira pauta, o empresário afirmou que a torcida por Thelma era considerada um ato racista. “Torcer pela Thelma é racismo”, disse o jornalista que ainda foi interrompido por Ju “Você vai ser bastante criticado”.

Na análise dele, a participante se faz de coitada e não merece vencer o reality show. “Eu não vou nada. Porque é o seguinte, todo mundo está votando nela porque ela é negra coitada. Na semana passada ela ganhou uma provinha e ficou se achando, humilhando todo mundo”.

Logo depois, o ex-diretor da Band e amigo de vários famosos entre eles Larissa Manoela, Simone da dupla com Simaria e Ivete Sangalo, atacou a Maju Coutinho. “É a mesma coisa que eu falo da Maju Coutinho. Ela é péssima, ela é horrível. Ela fala tudo errado, eu assistir hoje. Ela só está lá mesmo por causa da cor. É o oposto. Qual foi a carreira dela? Foi ela ser xingada: ‘todos por Maju’. Ela não tem uma carreira”, disparou.

Criticado por sua fala racista nas redes sociais, o empresário se desculpou pela situação. “Queria falar uma coisa e falei totalmente outra, fui totalmente racista. Falei merda e a gente tem que assumir quando a gente fala merda, né? Recebi ligações de amigos”.