Polícia invade show da Banda Eva, cantor faz pedido desesperado e é atendido pelos policiais

tv prime

por instagram

A tradicional banda de axé, Banda Eva, foi a principal atração de uma festa de Réveillon realizadas na Barra de São Miguel, no estado de Alagoas. Porém, a festa não terminou da maneira esperada pelos presentes e nem pelos organizadores do evento de final de ano.

Tudo porque a polícia militar invadiu e interrompeu a festa bem no momento em que a banda subiu no palco principal. Felipe Pezzoni, que é vocalista do grupo musical, solicitou aos policiais que eles deixassem tocar pelo menos duas canções, para que o público não ficasse bravo com a banda.

Inesperadamente os policiais atenderam a esse pedido inusitado do vocalista e deixou eles tocarem pelo menos duas canções. Mesmo assim o público ficou insatisfeito e começou a vaiar e expressar gestos obscenos para o grupo.
Porém, o vocalista explicou toda a situação aos participantes e falou o seguinte: “Não é para mim que vocês têm que fazer isso. A polícia tem que deixar as pessoas trabalharem”.

A Banda Eva é uma das bandas de axé mais conhecidas do país. O grupo musical começou como um grêmio estudantil ainda no ano de 1977, se tornou um bloco carnavalesco em 1980. Anos depois decidiu estrear como banda musical e a primeira vocalista foi a cantora Ivete Sangalo.

Três anos depois o grupo estourou no país com o sucesso Beleza Rara, mas seis anos depois a cantora decidiu lançar carreira solo. Depois quem comandou a trupe foi Emanuelle Araújo, Saulo Fernandes, e agora está a cargo de Felipe Pezzoni. O vocalista está como vocalista da banda desde o ano de 2013, após a saída de Saulo que está com carreira solo.