Saiu o resultado de DNA de caso do jovem que acusa Anderson de abuso; polícia dá confirmação

tv prime

(Foto: Reprodução/Instagram)

Na semana passada, o jovem Maycon Douglas Pinto de Nascimento Adão, mais conhecido no meio artístico pelo nome de MC Maylon, acusou o vocalista Anderson Leonardo, do grupo Molejo, de ter cometido abuso sexual.

O jovem, que tem 21 anos de idade e trabalha como cantor e dançarino, afirma que o suposto estupro ocorreu em dezembro do ano passado em um motel no bairro Sulacap, que fica localizado na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

A denúncia contra Anderson foi realizada no 33º DP de Realengo. O material genético coletado na cueca de MC Maylon foi levado para ser examinado e as autoridades divulgaram, nesta semana, o resultado da análise.

A polícia confirmou que o esperma de fato pertence a Anderson. Mas de acordo com o delegado que está cuidando do caso, a informação não terá influência no andamento das investigações, considerando que ambos os envolvidos já haviam confirmado que tiveram relações íntimas.

Na próxima terça-feira (16/02), os funcionários do estabelecimento onde Anderson e Maycon se encontraram deverão prestar depoimento na delegacia. Uma acareação entre os dois também deve ser realizada em breve.

Nesta semana, o advogado de Anderson Leonardo se pronunciou e disse que o cantor pretende abrir um processo contra o dançarino. As acusações que devem ser feitas contra o jovem serão por calúnia e difamação.
Ivo Peralta, que está defendendo o vocalista, afirma que sua carreira foi prejudicada com as declarações de Maycon, pois ele teria perdido trabalho após o caso ser exposto pelo jovem.