Samantha Schmütz seria alvo de Juliana Paes em vídeo sobre defender Bolsonaro, dizem internautas

tv prime

foto/google

A atriz Juliana Paes polemizou ao falar sobre seu posicionamento político durante a pandemia de Covid-19 no Brasil. Irritada com o comentário de uma amiga que ela preferiu não revelar a identidade, a intérprete de Bibi Perigosa de ‘A Força do Querer’ e Maria da Paz de ‘A Dona do Pedaço’ falou que não defende Bolsonaro, mas que também não é de esquerda. A crítica isenta acabou sendo criticada por internautas, que buscaram saber quem seria a pessoa da qual Juliana Paes estaria falando. Juliana chegou a dizer que a esquerda viveria um “delírio comunista”.
Juliana Paes fala sobre “delírio comunista” e internautas dizem ter encontrado amiga criticada por atriz
Na gravação, além de falar em “delírio comunista“, a atriz Juliana Paes disse que foi a primeira a falar sobre a necessidade do isolamento social, mas que também defende que as pessoas precisam trabalhar para comer.
De acordo com internautas, a pessoa criticada por Juliana seria a atriz Samantha Schmütz, que compartilhou horas antes um story falando sobre pessoas isentas e famosas que não saem do muro jamais.
“Gente, quem não tá falando, não é porque tá em cima do muro. É por que tá do outro lado do muro mesmo. O lado que dá vergonha de estar. Por isso silêncio”, escreveu Samantha Schmütz.
Após as críticas de Juliana Paes, Samantha Schmütz repostou Tico Santa Cruz. O cantor escreveu um texto sobre neutralidade política diante de um país com “governo genocida”.